Reconectando propósitos

Reconectando propósitos

Reconectando propósitos

A educação é o setor mais importante de qualquer sociedade. Os desafios diários enfrentados por professores e gestores educacionais requerem uma energia e uma paixão pelo ser humano, mas acima de tudo uma conexão consigo mesmo e com as possibilidades que o mundo oferece. 

Contudo instituições educacionais, professores, gestores e estudantes encontram-se cansados, desacreditados e vivendo uma rotina educacional que não gera prazer e nem sabor a nenhum deles. 

Quebrar com esse ciclo, despertando a paixão de professores pelo processo de aprendizagem e a sua reconexão com o seu propósito pessoal ao escolher exercer uma profissão que lapida o mais valioso de todos os diamantes é o que o nosso trabalho se propõe a fazer. 

Uma educação com propósito vai encontrar nos meios hoje disponíveis (sejam elas físicos, tecnológicos, emocionais, cognitivos, espirituais ou técnicos) a motivação e o prazer necessário para dar uma nova roupagem ao processo pedagógico. 

As novas gerações querem ‘viver o que aprendem’  e precisam das experiências como propulsoras para o seu despertar cognitivo. 

Elas conhecem um mundo que vive em rede, não em rede digital apenas, mas em rede de pessoas, de conhecimento, de oportunidade, de trabalho, de vida. 

O nosso modelo educacional, concebido para uma era industrial, é totalmente sequencial, e, por isso gera choque, conflito e desinteresse na aprendizagem. 

Possibilitar que os professores vivenciem processos de educação em rede, com trabalhos pedagógicos colaborativos, em metodologias ativas e com o uso de ferramentas digitais é um dos caminhos que faz com que entendam e se apropriem desse novo olhar educacional. 

O objetivo do trabalho é possibilitar o encanto dos professores com as possibilidades educacionais que o contexto individualizado e personalizado oferece ao desenvolvimento das competências de aprendizagem, levando-os a entender na prática como preparar o seu processo de aula para o aprender a aprender e as vantagens que um ambiente educacional onde professor e aluno são sujeitos ativos e protagonistas oferecem.